O valor dos jogos

Ir em baixo

O valor dos jogos

Mensagem por Tarin em Sex 13 Jul 2018, 00:08

Queria discutir sobre um tópico que andei pensando nos últimos tempos. A percepção de preço e valor no geral em jogos atualmente. Especialmente de indies e jogos AA/médio porte, que costumam ter preços bem variados hoje em dia (especialmente com o monte de promoções de plataformas como Steam e etc)

Tem vários critérios usados pela indústria e comunidade pra determinar o preço de um jogo. Pensando por cima, consigo pensar em alguns exemplos:

Critérios que aumentam o valor percebido de um jogo:

  • 3D
  • Gráficos realistas
  • Empresa grande/famosa
  • Console
  • Exclusivo de plataforma

Critérios que reduzem o valor percebido de um jogo:

  • 2D
  • Gráficos cartoon
  • Indie
  • Pixel art
  • Retrô
  • PC

Claro que a percepção de valor mais baixo não é algo exclusivo de jogos 2D, ou de gráficos cartoon, etc. Mas esses fatores no geral causam uma impressão de... Menos trabalho investido, e consequentemente menos valor percebido. Gráficos são extremamente importantes pra essa percepção inicial. A confiança do público com o desenvolvedor é vital também. Uma desenvolvedora lançando jogos com gráficos "ruins" ainda consegue formar uma base de fãs se lançar jogos que atendam algum nicho específico do mercado e façam isso bem.

Um caso que eu vi que levantou discussão sobre o preço nos últimos tempos foi Octopath Traveler. É um RPG "2D" lançado pela Square Enix pra Switch, com um preço base de US$60. Sem discutir a qualidade do jogo em si (ainda mais porque não joguei, lança hoje, lol), teve uma questão de percepção forte sobre esse jogo estar sendo lançado na mesma faixa de preço de jogos AAA. Teve alguns argumentos de "É só um RPG indie retrô, tem milhares na steam por 5 dólares!!", mas o jogo definitivamente tem níveis de produção acima disso. Tem um estílo artístico retrô, mas único e bem feito. Tem uma trilha sonora orquestral e voice acting. Parece ter bastante conteúdo(mais de 50 horas de jogo). Porem, também claramente não é AAA. O que adiciona valor ao jogo é a confiança da base de fãs com a empresa, e a falta de jogos parecidos no mercado.

Outro caso interessante que eu vi foi Undertale. É um jogo com gráficos bem simples e é relativamente curto pros padrões de RPGs, embora até longo pra um indie(umas 5 horas, com conteúdo extra em replays). Mas os pontos fortes, que são a história e trilha sonora, são fortes o suficiente a ponto de fazer o jogo se destacar e adquirir um valor bem maior. O jogo lançou por US$10 (ainda tem esse preço na Steam), mas foram lançadas versões pra console posteriormente por US$ 15, e a versão física pra Switch específicamente vai custar 40 dólares, lol. E isso é possível porque o jogo teve uma repercussão enorme e teve a qualidade comprovada pelas críticas e pela comunidade. Mas no lançamento, mesmo o preço de 10 dólares deve ter parecido uma aposta, por ser um RPG indie com gráficos muito simples feito basicamente por uma única pessoa.

Isso leva pra outro ponto tambem. O trabalho gasto na produção do jogo deve influenciar na percepção de valor? Um jogo feito por 100 pessoas durante 3 anos é inerentemente mais valioso que um feito por 10 pessoas em 1 ano? Claro que um jogo muito mais caro de produzir necessita de mais retorno pra cobrir as despesas e gerar lucro. Mas isso é algo difícil de avaliar em muitos casos, pela falta de transparência das empresas e falta de conhecimento do público dos processos e demandas da criação de jogos. Alem de ter casos de equipes pequenas produzindo coisas incríveis em pouco tempo, enquanto alguns jogos de equipes grandes ficam em desenvolvimento por anos reiniciando o projeto várias vezes e resultando em algo medíocre.

Quais critérios vocês acham que mais adicionam valor a um jogo pra vocês? Algum aspecto específico que se destaque muito, como história ou trilha sonora? Oferecer muitas horas de jogo? Ser de uma série ou desenvolvedor já conhecido que vocês gostem e tenham familiaridade? O que mais?

_________________


            
ProjetosMúsica
GitHubSoundCloud
avatar
Tarin
Admin

Mensagens : 117
Data de inscrição : 14/04/2015
Idade : 23
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O valor dos jogos

Mensagem por Thear em Sex 13 Jul 2018, 01:32

(Isso me soa suspeitamente como pesquisa de opinião)

Se não me engano Overwatch lançou a 40 dólares, certo? E acho que ainda esta nisso. Gerou discussão na época porque Battleborn foi lançado quase na mesma época por 60 dólares. Battleborn é mais cartunesco, mas também é de uma empresas respeitada... mas ainda assim foi rechaçado pelo preço maior, já que no geral o público já estava vendo Battleborn como o secundário entre os dois muito antes do lançamento. O fato que esse público não considerou e que é um dos mais importantes no preço de um AAA: Battleborn tinha uma campanha single player.

Acho que Undertale a lançado a 10 dolares é bem aceitável. Muitos indies com o mesmo tempo de gameplay vão ter esse preço, mesmo com gráficos fracos. Vale lembrar que os gráficos foram vendidos como uma feature ("retro"), e que o jogo foi financiado coletivamente, então não tão arriscado assim. Não existia riscos de não retornar o investimento, pois já estava pago. O risco era apenas desagradar os financiadores.


Na prática, quanto mais caro um jogo, mais eu espero replayability dele (ou gameplay mais longo). Se o aspecto artístico for excepcional, vou aceitar um pouco menos de tempo de gameplay.

Outra coisa a considerar. Um jogo grande geralmente vai custar 60 dólares. É algo bem tradicional pro público americano, mas brasileiros talvez não percebam isso porque vemos preços diversos considerando preços regionais ou conversão do dólar pro real. Mas isso não considera o aumento dos custos de produção de jogos AAA, e simplesmente a inflação. É bizarro que um produto que custe cada vez mais pra produzir continue com o mesmo preço ao longo de vários anos. E isso ajuda a explicar DLCs... microtransações, lootboxes, etc. Não justifica certos métodos antiéticos e anticonsumidor, claro, mas ajuda a explicar. Provavelmente os jogos AAA (e, por consequência, todos os outros) sem microtransações deveriam custar bem mais do que custam atualmente.

Mas como vimos no caso Overwatch vs Battleborn, ter um preço de compra maior que a competição é um imenso risco.

_________________
O importante é reconhecer que você não sabe do que esta falando
avatar
Thear
Admin

Mensagens : 400
Data de inscrição : 13/04/2015
Idade : 23

Ver perfil do usuário http://anomaliazero.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O valor dos jogos

Mensagem por Tarin em Sex 13 Jul 2018, 16:28

Pesquisa de opinião? Qual motivo no universo poderia eu possivelmente ter para tal perfídia? Um jovem como eu totalmente insulado, sem nenhum interesse relativo à indústria de jogos e definitivamente sem nenhuma ambição de desenvolvimento de indies no presente ou futuro? Uma acusação sórdida e desvairada.  

...


Na verdade, eu tive a ideia pra esse tópico por causa da repercussão do Octopath Traveler, mesmo, ahaha. Todo jogo exclusivo sempre causa brigas de fanboys e argumentos malucos, mas esse argumento de que o jogo é caro demais ficou bem predominante. Específicamente o argumento de que um jogo com "baixos valores de produção" não tem como pedir o mesmo preço do que um AAA.

Como tu mencionou, essa equação de valores fica cada vez mais discrepante com os AAA vendendo jogos a um preço base fixo faz um bom tempo, mas agora lucrando com microtransações, assinaturas, etc.  Qualquer jogo sem microtransações fica com uma desvantagem gigantesca. Acho que a maioria dos jogos AA hoje em dia precisaria ter um preço chegando perto dos AAA pra conseguir ser viável financeiramente. Um jogo sem nenhuma micro-transação qualquer no nível AAA, então, acho que deve ser quase impensável. Acho que os únicos que ainda estão sendo feitos são os exclusivos de plataforma, e servem basicamente como um grande marketing pra vender consoles e assinaturas de serviços online.

Pessoalmente, eu tambem acho que o fator principal que eu uso pra ver o valor de um jogo é o tempo de jogo que ele me oferece. Claro, primeiro tem que ser algo que fundamentalmente me interessa. Por princípio, eu não me importaria de pagar muito por um jogo super-curto, se todos os outros astros se alinharem. Mas ainda tem aquela relutanciazinha interna de estar gastando muito com algo "pequeno", mesmo pensando que seja algo que vai proporcionar mais pra minha vida do que o jogo de 50 horas que vai me entreter levemente por toda a duração. Dinheiro é bizarro.

_________________


            
ProjetosMúsica
GitHubSoundCloud
avatar
Tarin
Admin

Mensagens : 117
Data de inscrição : 14/04/2015
Idade : 23
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O valor dos jogos

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum